Topo
   
   
   
         
         
         
         
   
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
SIMBOLOS MUNICIPAIS  
 
 
Conforme a Lei Municipal nº 676/72, de 26/05/72, são símbolos do município de Piquete: o Hino Municipal, o Brasão Municipal e a Bandeira Municipal
 
     
 
Brasão Municipal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Brasão de Armas do Município
O Brasão de Armas do município foi instituído pela Lei Municipal 387, de 4 de abril de 1962.
O estudo heráldico, da autoria de Gastão Dal Farra e Arcinoé Antônio Peixoto de Faria, apresenta a seguinte simbologia:
"Escudo redondo, português, tradicional das municipalidades brasileiras, lembrando nossa origem lusitana, encimado pela coroa mural de quatro torres de ouro, símbolo da autonomia municipalista.
O campo é diviso, sendo cortado e partido em ponta.
No primeiro cortado, em campo blau (azul) significando a serenidade do povo e também simbolizando o excelente clima da região, destaca-se o perfil da serra da Mantiqueira, aos pés do qual ergue-se a cidade no ponto em que sobressai o pico dos Marins, principal acidente geográfico da região, tudo de ouro, lembrando a epopéia das Bandeiras que cruzavam a serra em busca das riquezas das terras dos Guaitacás, hoje Minas Gerais.
No segundo cortado, quartel à destra do partido, em campo de sinople (verde), simbolizando a esperança do povo por um futuro grandioso para Piquete, um braço armado de adaga voltada para baixo, sobreposto a um escudo pleno com a cruz de Lorena, episcopal, tudo de prata, com a cruz de ouro, símbolo que representa São Miguel, defensor da cristandade, padroeiro da cidade e que evoca a religiosidade de seus habitantes.
No quartel à sinistra do partido, o campo de goles (vermelho) simboliza a audácia, intrepidez, coragem, onde sobressai uma roda dentada sobreposta a um canhão, tudo de ouro, lembrando a principal indústria do município, a de pólvora e explosivos, representada pela Fábrica Presidente Vargas, a maior indústria bélica da América do Sul.
Como tenentes de escudo, dois ramos de café, frutificados ao natural, lembrando o passado da riqueza agrícola da região, quando as terras que hoje formam o município eram cobertas de imensos cafezais. Abaixo do escudo, um filão de goles contendo em letras de prata a divisa: LABOR PRO TUENDA PATRIA (O trabalho em defesa da Pátria)".
Todos os documentos da Prefeitura e da Câmara, a partir da data da Lei, passaram a conter o brasão do município.
 
     
 
Brasão Municipal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Bandeira Municípal
A Bandeira de Piquete, de autoria do heraldista Arcinoé Antônio Peixoto de Faria, é assim descrita : "esquartelada em faixa, sendo os quartéis faixados de azul, contendo 2,7 módulos de largura, constituídos por três faixas amarelas de um módulo de largura, carregadas de sobre-faixas verdes de um terço de módulo de largura, que partem de um triângulo isósceles amarelo firmado na tralha, onde o Brasão Municipal é aplicado".
Conforme a tradição heráldica portuguesa, da qual herdamos os cânones, a Bandeira de Piquete é esquartelada em faixa.
O Brasão aplicado representa o governo municipal e o triângulo isósceles amarelo onde é inserido, representa a própria cidade, sede do município.
A cor amarela simboliza a glória, esplendor, grandeza, riqueza, soberania. As faixas amarelas carregadas de sobre-faixas verdes, que partem do triângulo esquartelando a bandeira em faixa, representam a irradiação do Poder Municipal, que se expande a todos os quadrantes de seu território.
A cor verde é símbolo de honra, civilidade, cortesia, abundância, alegria - é a cor simbólica da esperança, que lembra os campos verdejantes na primavera fazendo esperar copiosa colheita.
Os quartéis de azul representam as propriedades rurais existentes no território municipal. A cor azul é símbolo de justiça, nobreza, perseverança zelo e lealdade.
Seguindo as regras heráldicas, a bandeira terá as dimensões oficiais adotadas para a Bandeira nacional, levando-se em consideração 14 módulos de altura da tralha por 20 módulos de comprimento do retângulo.
Quando a Bandeira Municipal for hasteada em conjunto com a Bandeira Nacional, estará disposta à esquerda desta. Se a Bandeira Estadual também for, ficará a Nacional ao centro, ladeada pela Municipal à esquerda e a Estadual à direita.
Coloca-se a Bandeira Nacional sempre em plano superior às demais.
 
     
 
Brasão Municipal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Hino Municípal

Montanhas-Muralhas de picos alados,
Encostas e matas em muitas colinas,
Titãs que guarnecem, dos filhos amados,
Os bairros, aldeias e vilas meninas.
Estribilho:
Cidade que cresce e se espraia na terra
Com sonhos e fé, esperanças e glória
De um povo que canta nas fraldas da serra
Os feitos da Pátria nos livros da História.
De todas que existem, nenhuma mais bela:
Tão jovem! E forte na luta constante
Que entrega da vida, em toda parcela
O amor e trabalho da alma gigante.
Brasil! Aqui tens a cidade altaneira!
De todas que existem, nenhum panorama
Mais belo que este, na tua Mantiqueira
Co’a gente que vibra, trabalha e te ama.
Estribilho...

Letra : Nelo Pelegrini
Música : Euzébio de Paula Lico